Central do Cerrado – Produtos Ecossociais

20.10.16

Novos olhares sobre a produção da agricultura familiar e o nosso consumo

A Fundação Banco do Brasil construiu um vídeo para contar a experiência de comercialização de produtos da Agricultura Familiar com foco nos produtos que a Cooperativa Central do Cerrado leva ao público no box do Mercado Municipal de Pinheiros, em São Paulo.

(Para saber mais…)

19.10.16

Experiência da Central será apresentada no Encontro de Jornalistas da Fundação BB

10.o Encontro de Jornalistas da Fundação BB

Com o tema “Comunicação, Pautas Sociais e Engajamento para o Desenvolvimento Sustentável”, começa hoje (dia 19/10) em João Pessoa/PB, a 10ª edição do Encontro de Jornalistas da Fundação Banco do Brasil. O objetivo é promover uma reflexão sobre o papel social dos meios de comunicação e sua contribuição no desenvolvimento sustentável do Brasil. A Cooperativa Central do Cerrado participa da atividade, na intenção de apresentar os resultados positivos da parceria com Fundação BB ao longo dos anos.
(Para saber mais…)

23.09.16

Slow Food e Central representam a Fortaleza da Castanha do Baru no Terra Madre 2016

slowfood_terramadre_arquivoslowfood

O Terra Madre Salone del Gusto 2016, o maior encontro mundial do movimento Slow Food, está acontecendo em Turim (Itália) até o próximo dia 26 de setembro (segunda). Dedicado à cultura de alimentos, o Terra Madre reúne um grande mercado com expositores dos cinco continentes, diversos eventos para descobrir as riquezas culinárias do mundo, exibições de filmes no Mole Antonelliana (símbolo da arquitetura de Turim) e conferências para expandir os pontos de vista sobre o mundo dos alimentos. A Cooperativa Central do Cerrado participa do evento e encampa a representação da “Fortaleza do Baru”, uma das estratégia do Slow Food cujo objetivo principal é conservar produtos tradicionais em risco de extinção.

(Para saber mais…)

14.09.16

Comunidades do Jalapão festejam colheita do capim dourado

Capim Dourado

Começa sexta-feira (16/9) a 8ª Festa da Colheita do Capim Dourado, na comunidade quilombola de Mumbuca, localizada no município de Mateiros/TO, região do Jalapão. É a festa mais tradicional da região, que marca a época da colheita do capim dourado (Syngonanthus nintens), matéria prima utilizada na confecção de um dos artesanatos mais apreciados no país e principal fonte de renda das comunidades residentes no interior do Parque Estadual do Jalapão.

(Para saber mais…)

08.09.16

Central participa Virada do Cerrado com feira de produtos

Virada do Cerrado 2016

A Central participa neste final de semana da Feira de Produtos do Cerrado, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), e também da Celebração da Virada do Cerrado, no Parque da Cidade. A Virada é um programa colaborativo que mobiliza pessoas para a educação ambiental através da promoção de atividades socioambientais, educativas, esportivas e culturais. Todo o Distrito Federal participa da Virada com um grande movimento pela sustentabilidade socioambiental.

O intuito é um só: mostrar como o Cerrado pode ser preservado, com a vegetação, as águas, o ar e a terra saudáveis e em equilíbrio. O tema deste ano é “Mudança Climática”, que será trabalhada a partir dos quatro elementos da natureza: Água, Terra, Fogo e Ar.

No sábado e no domingo (no CCBB), a Feira acontece nos dias 10 e 11/9, de 10 às 19 horas, com os produtos típicos do Cerrado, incluindo produtos dos beneficiários do programa Água Brasil, na bacia do rio Peruaçu (Cooperuaçu).

No domingo, na Celebração da Virada, a Feira de Produtos do Cerrado e Tecnologias Sustentáveis acontece de 8 às 18 horas, no estacionamento 10 do Parque da Cidade.

As feiras são organizadas com a parceria da WWF e Instituto Kabu. Para conferir toda a programação da Virada do Cerrado, visite: http://fb.com/tonavirada.

02.03.16

Central do Cerrado inaugura box de vendas junto com outros parceiros do Instituto ATÁ em São Paulo

A cidade de São Paulo ganha em março um novo alento para os sabores brasileiros. Estão sendo abertos neste mês quatro novos boxes do Mercado Municipal de Pinheiros, focados em ingredientes de diferentes biomas do Brasil, que ficarão sob curadoria do Instituto ATÁ em parceria com o Instituto Socioambiental, o Instituto Auá, a Central do Cerrado e o grupo Quintana. O Mocotó Café, aberto em janeiro, também faz parte do projeto.

DSCN0465_site

As seis organizações formam um coletivo, que desenvolve diversos projetos com comunidades locais e tradicionais aliados à valorização dos ingredientes nativos. A ideia é facilitar o caminho para que os produtos estejam disponíveis no Mercado de forma qualificada, com preço justo e respeitando as peculiaridades de cada região.

Os cinco espaços temáticos dividem-se em Amazônia, Mata Atlântica, Pampas, Cerrado e Caatinga e trarão frutas, castanhas, polpas, óleos, farinhas, especiarias, temperos e o rico artesanato de todo o Brasil.

O box da Central do Cerrado comercializará os produtos do Cerrado e da Caatinga e conta com apoio financeiro do Programa de Pequenos Projetos Ecossociais – PPP-ECOS (GEF/PNUD/ISPN) e da Fundação Banco do Brasil – FBB.

(Para saber mais…)

Próxima Página »

Loja Virtual

loja_central
Coquetéis e Lanches

Páginas
Categorias
Parceiros
RSS Slow Food Brasil
Apoio

PPP
GEFSGPPNUD
UEISPN
FBB
Mídias Sociais

Curta a Página
da Central do Cerrado
no Facebook:

.
.


.
.

Como fazer parte
do Slow Food

casa_central
Central do Cerrado – Produtos Ecossociais. Visitas: Entrar

(61) 3327-8489

centraldocerrado@centraldocerrado.org.br