Cooperativa Babaçu Livre


Lago do Junco (MA)


Divulgação / Cooperativa Babaçu Livre



SOBRE A COMUNIDADE


A Cooperativa Babaçu Livre nasceu com o movimento de mulheres para manter as áreas de babaçuais livres da devastação. A cooperativa é composta por três organizações: Associação de Mulheres Trabalhadoras Rurais de Lago do Junco e Lago dos Rodrigues-MA (AMTR), Mulheres de Santana e Associação de Jovens Rurais de Lago do Junco e Lago dos Rodrigues (AJR).


Diariamente, essas mulheres transformam a palmeira em fonte de renda para suas famílias. A quebra do coco do babaçu ocorre geralmente de maneira manual, em método tradicional. As mulheres que vivem nessas áreas quebram o coco no chão próximo às palmeiras. Por esse motivo, ficaram conhecidas como “quebradeiras”.


As quebradeiras de coco são ícones da identidade cultural do Maranhão e carregam consigo uma longa história de luta pela preservação das palmeiras de babaçu. Organizadas, criaram cooperativas para produção e comercialização de seus produtos, como farinha, azeite, sabonete e outros derivados do babaçu.


A força das mulheres do Maranhão resultou na organização social de mais de 400 mil agroextrativistas de babaçu dos Estados do Pará, Tocantins, Piauí e Maranhão na luta pelo babaçu livre e pela preservação e valorização do coco babaçu.


http://www.cerratinga.org.br/coopalj-maranhao/


Saiba mais sobre os ingredientes utilizados pela comunidade.

Confira receitas com os frutos