Central do Cerrado – Produtos Ecossociais

Artigos publicados em 'Notícias'

02.03.16

Central do Cerrado inaugura box de vendas junto com outros parceiros do Instituto ATÁ em São Paulo

por

A cidade de São Paulo ganha em março um novo alento para os sabores brasileiros. Estão sendo abertos neste mês quatro novos boxes do Mercado Municipal de Pinheiros, focados em ingredientes de diferentes biomas do Brasil, que ficarão sob curadoria do Instituto ATÁ em parceria com o Instituto Socioambiental, o Instituto Auá, a Central do Cerrado e o grupo Quintana. O Mocotó Café, aberto em janeiro, também faz parte do projeto.

DSCN0465_site

As seis organizações formam um coletivo, que desenvolve diversos projetos com comunidades locais e tradicionais aliados à valorização dos ingredientes nativos. A ideia é facilitar o caminho para que os produtos estejam disponíveis no Mercado de forma qualificada, com preço justo e respeitando as peculiaridades de cada região.

Os cinco espaços temáticos dividem-se em Amazônia, Mata Atlântica, Pampas, Cerrado e Caatinga e trarão frutas, castanhas, polpas, óleos, farinhas, especiarias, temperos e o rico artesanato de todo o Brasil.

O box da Central do Cerrado comercializará os produtos do Cerrado e da Caatinga e conta com apoio financeiro do Programa de Pequenos Projetos Ecossociais – PPP-ECOS (GEF/PNUD/ISPN) e da Fundação Banco do Brasil – FBB.

(Para saber mais…)

01.03.16

Inauguração do box da Central do Cerrado no Mercado Municipal de Pinheiros em São Paulo

por

conviteMERCADO_PINHEIROS

18.09.14

Central do Cerrado na Feira do Cerrado no Centro Cultural do Banco do Brasil de Brasília até dia 21 de setembro

por

Feira do Cerrado, no Centro Cultural do Banco do Brasil, trará grande diversidade de produtos extrativistas de comunidades do Cerrado para Brasília
A feira apresentará para o público os produtos da sociobiodiversidade de espécies nativas do bioma e diversas possibilidades de o uso tradicional associado que contribuem para geração de renda, conservação do Cerrado, valorização dos meios de vida sustentáveis e da cultura local de diversas comunidades agroextrativistas.
São 4 tendas com artesanatos, cosméticos e produtos alimentares nativos de comunidades tradicionais, quilombolas, indígenas e de agricultores agroextrativistas do Cerrado.
Na Feira será possível encontrar produtos como castanha de baru, conservas, farinha e óleo de pequi, geleias, licores, doces, farinha de jatobá, farinha e azeite de babaçu, produtos derivados do buriti, macaúba entre outros alimentos de espécies nativas de excelência gastronômica.
De artesanato o destaque será para os produtos de Capim Dourado feitos no Jalapão/TO, os bordados e cerâmicas do Vale Jequinhonha/MG, as cestarias de buriti e bordados do Vale do Urucuia/MG.
Na tenda gastronômica serão comercializados sanduiches naturais, salgados integrais, tapiocas, bolos, doces e sorvetes e sucos de frutos do Cerrado e diversos outros quitutes feitos a partir dos produtos do Cerrado.
Esta ação é uma realização da Rede Cerrado e da Central do Cerrado, com o apoio do Centro Cultural Banco do Brasil, Habitat Socioambiental, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), GEF – Cerrado e Banco Mundial
Serviço:
Data: De 11 a 21 de setembro de 2014

Horário de funcionamento: dias de semana de 12h-21h e finais de semana de 9h-21h; terça-feira não é aberto ao público
Local: Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília-DF

05.11.13

I ECOA cerrado- Encontro da comunidade do alimento do Cerrado (06 a 09/11/2013)

por

O Evento

A cada dois anos acontece, na Itália, o Terra Madre, encontro internacional da rede Slow Food. No Brasil, já foram realizados dois Terra Madre, ambos em Brasília. A segunda edição brasileira foi de 19 a 22 de março de 2010, no Complexo Cultural da FUNARTE. O evento foi realizado pelo Slow Food com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Territorial do Ministério do Desenvolvimento Agrário, do FIDA (Fundo Internacional do Desenvolvimento Agrícola) e da Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural do Ministério da Cultura.

Participaram do encontro 550 convidados representantes da rede do Terra Madre no Brasil. Durante os quatro dias do evento aconteceram atividades práticas e de discussão como oficinas da terra (workshops), seminários, debates e conferências,  oficinas do gosto, feira e exposição de produtos da agricultura familiar e do “artesanato culinário”.

A proposta do Slow Food Cerrado para 2013 é realizar um evento nos mesmos moldes do Terra Madre, voltado para produtores, empreendedores, agricultores, chefs, educadores, jovens e ativistas que estão inseridos no bioma Cerrado.

Criado para aproximar o pequeno produtor da consumidor final, o ECoA tem por objetivo chamar a atenção de produtores, consumidores, estudantes, pesquisadores, chefs e a sociedade em geral para as questões que envolvem o cerrado eo seu uso sustentável, alimentar e agroecológico. Afim de integrar os conhecimentos das comunidades do alimento como populações tradicionais e extrativistas e a comunidade academica cientifica!
Confira a programação
http://ecoacerrado.blogspot.com.br/p/programacao.html
Bem vindos !!!
A Central do Cerrado apoia a iniciativa!!!!

06.08.13

Vídeo produzido pela União Planetária

por

01.08.13

Central do Cerrado no Programa Globo Ecologia

por

O programa Globo Ecologia mostrou, no dia 15/06/2013, um belo programa sobre os Frutos do Cerrado

No estúdio do Ação, da Rede Globo, Serginho Groisman entrevista Luís Roberto Carrazza, Coordenador da Central do Cerrado:

15.04.13

Central do Cerrado elege nova diretoria em assembleia no dia 12/04/2013

por

A cooperativa Central do Cerrado realizou sua assembleia geral ordinária no dia 12/04/2013 em Brasilia-DF. Na ocasião foi eleita o novo Conselho Administrativo e Fiscal conforme segue:

Conselho Administrativo

Presidente – Maria José Ferreira Lima Alves (COOPERFRUTO-TO)

Diretor Admnistrativo – Mayk Honnie Gomes Arruda (FrutaSã-MA)

Diretor Comercial – José Vicente Sousa Filho (Cooperativa Babaçu Livre-MA)

Suplente do Conselho Administrativo – Luis Carlos Ponce (COMPRUP-MT)

Suplente do Conselho Administrativo – Cledineusa Maria Bizerra Oliveira (CIMQCB – PA/MA/TO/PI)

Conselho Fiscal

Francisco Wagner Pereira Santos (Cooperativa Grande Sertão-MG)

Maria Aparecida das Graças Oliveira (ASTUR-MG)

José Correa Quintal (Cooperativa Sertão Veredas-MG)

Altair de Souza (CEPPEC-MS)

Jehovane Luis da Silva (COPABASE-MG)

Maria Aparecida de Sousa (Capim Dourado – Associação da Comunidade do Prata-TO)

« Página Anterior Próxima Página »

casa_central
Central do Cerrado – Produtos Ecossociais. Visitas: Entrar

(61) 3327-8489

centraldocerrado@centraldocerrado.org.br